Notícias
Código Florestal do Estado de Goiás é debatido no plenário da Câmara de Rio Verde
19-08-2011

Assessoria de Comunicação Câmara de Rio Verde

A Câmara de Rio Verde sediou nesta sexta-feira, 19,  uma Audiência Pública para debater  o Código Florestal do Estado de Goiás, promovida pelas comissões de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo, Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, (Semarh), presidida pelos deputados Karlos Cabral (PT) e Wagner Siqueira (PMDB). O objetivo foi coletar dados e informações sobre as dez regiões político-administrativas de Goiás para subsidiar a reforma da legislação em vigor, acompanhando o debate nacional sobre as mudanças que a legislação federal deverá sofrer.

Participaram do evento o biólogo e relator do grupo de trabalho do Código, Marcelo Lessa; o engenheiro florestal Gildomar Alves dos Santos; o conselheiro da Federação de Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) e coordenador do grupo de trabalho, Luiz Becker Karst; o superintendente de gestão e proteção ambiental, coordenador do projeto de audiências públicas para discussão do Código Florestal, Sérgio Evaristo Martins, representando o secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Leonardo Vilela (PSDB); Vereador José Henrique (PMDB) que representou o presidente da Câmara de Rio Verde Elias Terra; a secretária da Comissão de Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Assembléia Legislativa, Cleonice Martins Cardoso.

Rio Verde foi sede do evento por possuir grande número de produtores rurais e ter na agricultura um de seus principais meios de produção econômica. As audiências servirão também para acompanhar o debate nacional acerca das mudanças do Código Florestal, que têm atraído cada vez mais a atenção do País. Durante as discussões foram levantadas algumas sugestões para a reformulação do Código Florestal goiano, que devem ser analisadas para se elaborar a redação final, a qual será apresentada no Senado.

Para o Presidente da Câmara de Rio Verde, vereador Elias terra, ao complementar a Lei Federal, o Código Florestal de Goiás busca atender as particularidades econômicas, sociais e ambientais do Estado. Em outras palavras, garantir o uso sustentável dos recursos florestais, conciliando com a produção de alimentos e energia. “Estamos acompanhando de perto essa movimentação e otimistas com a comissão. São pessoas que tem consciência da necessidade do Brasil de conservar e preservar o Meio Ambiente”, afirmou o presidente.

Elias Terra destaca que é importante levar em consideração todas as opiniões discutidas nas audiências públicas em todo país. “Há posições formadas dos dois lados, e o que precisamos, no mínimo, é de ter consciência e seriedade para elaborar este Código, pois dele depende todo o nosso futuro tanto ambiental como na produção sustentável. Estas audiências tornam este processo o mais democrático, ético e transparente possível.  Parabenizo a Assembleia Legislativa do Estado de Goiás, o Governo do Estado através da Semarh, por mais uma vez Goiás estar saindo à frente no Brasil, adequando e dando uma demonstração ao País que aqui tem pessoas trabalhando em prol do desenvolvimento do povo e preocupadas com a preservação ambiental”,  concluiu o presidente.

Câmara de Rio Verde

Por você, pra você.

Biênio 2011/12


Voltar





Central de Atendimento
Av. José Walter, Qd. 24, Residencial Interlagos. Caixa Postal: 310 CEP 75908-740.
PABX: (64) 3611-5900
atendimeto@camararioverde.com.br
Horário de Atendimento
De segunda à sexta-feira
Das 08:00 às 11:00 horas e
das 13:00 às 17:00 horas
Redes Sociais
Acesso ao WebMail
Todos Direitos Reservados a Câmara Municipal de Rio Verde